COBOL - Configuration section - CURRENCY SIGN clause



Desenvolvido por DORNELLES Carlos Alberto - Analista de Sistemas - Brasília DF. - cad_cobol@hotmail.com

COBOL - Configuration section - CURRENCY SIGN clause
Enterprise COBOL for z/OS, V4.2, Language Reference

A cláusula CURRENCY SIGN afeta os itens de dados editados numéricos cujas seqüências de caracteres PICTURE contêm um símbolo de moeda.
Um símbolo de moeda representa um valor de sinal de moeda que é:

  • Inseridos nesses itens de dados quando são usados ??como itens de recebimento
  • Removidos desses itens de dados quando são usados ??como itens de envio para um receptor numérico ou editado numérico

Normalmente, os valores dos sinais de moeda identificam as unidades monetárias armazenadas em um item de dados.
Por exemplo: '$', 'EUR', 'CHF', 'JPY', 'HK $', 'HKD' ou X'9F '(ponto de código hexadecimal em algumas páginas de código EBCDIC para €, o símbolo da moeda do euro).
Para obter detalhes sobre técnicas de programação para lidar com o euro, consulte Using currency signs in the Enterprise COBOL Programming Guide - Usando sinais de moeda no Enterprise COBOL Programming Guide.

A cláusula CURRENCY SIGN especifica um valor de sinal de moeda e o símbolo de moeda usado para representar esse valor de sinal de moeda em uma cláusula PICTURE.

O parágrafo SPECIAL-NAMES pode conter várias cláusulas CURRENCY SIGN.
Cada cláusula CURRENCY SIGN deve especificar um símbolo de moeda diferente.
Ao contrário de todos os outros símbolos da cláusula PICTURE, os símbolos monetários diferenciam maiúsculas de minúsculas.
Por exemplo, 'D' e 'd' especificam símbolos de moeda diferentes.

CURRENCY SIGN IS literal-6
literal-6 deve ser um literal alfanumérico.
O literal-6 não deve ser uma constante figurativa ou um literal com terminação nula.
O literal-6 não deve conter um caractere DBCS.

Se a frase PICTURE SYMBOL não for especificada, literal-6:

  • Especifica um valor de sinal de moeda e o símbolo de moeda para esse valor de sinal de moeda
  • Deve ser um único caractere
  • Não deve ser um dos seguintes:
    • Dígitos 0 a 9
    • Caracteres alfabéticos A, B, C, D, E, G, N, P, R, S, V, X, Z, seus equivalentes em minúsculas ou o espaço
    • Caracteres especiais + - , . * / ; ( ) " = '(sinal de mais, sinal de menos, vírgula, ponto, asterisco, barra, ponto e vírgula, parêntese esquerdo, parêntese direito, aspas duplas, sinal de igual, apóstrofo)
  • Pode ser um dos seguintes caracteres alfabéticos em minúsculas: f, h, i, j, k, l, m, o, q, t, u, w, y

Se a frase PICTURE SYMBOL for especificada, literal-6:

  • Especifica um valor de sinal de moeda.
    literal-7 na frase PICTURE SYMBOL especifica o símbolo da moeda para este valor de sinal de moeda.
  • Pode consistir em um ou mais caracteres.
  • Não deve conter nenhum dos seguintes itens:
    • Dígitos 0 a 9
    • Caracteres especiais + - . ,
PICTURE SYMBOL literal-7
Especifica um símbolo de moeda que pode ser usado em uma cláusula PICTURE para representar o valor do sinal de moeda especificado por literal-6.

literal-7 deve ser um literal alfanumérico que consiste em um caractere de byte único. literal-7 não deve ser um dos seguintes:

  • Uma constante figurativa
  • Dígitos 0 a 9
  • Caracteres alfabéticos A, B, C, D, E, G, N, P, R, S, V, X, Z, seus equivalentes em minúsculas ou o espaço
  • Caracteres especiais + - , . * / ; ( ) " = '

Se a cláusula CURRENCY SIGN for especificada, as opções do compilador CURRENCY e NOCURRENCY serão ignoradas.
Se a cláusula CURRENCY SIGN não for especificada e a opção do compilador NOCURRENCY estiver em vigor, o cifrão ($) será usado como o valor padrão do sinal de moeda e o símbolo da moeda.
Para obter mais informações sobre as opções do compilador CURRENCY e NOCURRENCY, consulte CURRENCY no Enterprise COBOL Programming Guide.



© Copyright IBM Corp.